quarta-feira, setembro 24, 2008

A Prima da Vera

Cheira-flor é uma grande-angular por sua falta de pescoço.
Loucura esquizofrênica entre os bem-me-queres e malmequeres,
Refuta formas lascivas de flores enrustidas
revestidas de pétalas coloridas.
Nega perfeições inexistentes resistentes e persistentes
aos defeitos refeitos por perfeitos bem-feitos.
Urge de luzes e arbustos como vaga-lumes,
Morre antes que o canto da cigarra continue.

Um comentário:

Blog Lokiparsifall disse...

Caraleo

Bom demais minha poetisa carioca favorita